Fortes chuvas são registradas na região de Paulistana e barragens voltam a sangrar - Portal Diário do Itaim | Notícias de Paulistana, Acauã, Dormentes, Jacobina e região

Últimas

terça-feira, 14 de abril de 2020

Fortes chuvas são registradas na região de Paulistana e barragens voltam a sangrar

Rio Canindé em Acauã
Nos últimos dois dias tem-se registrado fortes chuvas na região de Paulistana (sudeste do Piauí) e nos municípios do Vale do São Francisco (Pernambuco). Desde ontem (13/04/2020), diversos riachos voltaram a registrar cheias históricas e barragens estão sangrando, renovando a esperança dos agricultores.
Em Queimada Nova-PI, a PI-459, que liga a cidade ao Povoado Posto Fiscal de Pipocas (Acauã-PI) rompeu nas proximidades do Povoado Cantinho. Vale lembrar que essa é a terceira vez que o mesmo local se rompe por causa das fortes chuvas da região desde que a rodovia foi construída.
Entrada da cidade de Lagoa do Barro do Piauí
Já em Lagoa do Barro do Piauí, o Rio Gameleira, que passa na cidade, quebrou a ponte principal que dá acesso ao centro, deixando a população parcialmente isolada.
Rio Canindé em Acauã
No município de Acauã, são vários os registros de barragens e pequenos açudes que voltaram a sangrar nesta madrugada. Os dois principais riachos, que desaguam no principal reservatório de água da região (Açude Ingazeiras), também estão cheios. Este já é considerado o melhor inverno dos últimos anos.

Em Caridade do Piauí, um raio atingiu uma residência, uma árvore, matou duas ovelhas e assustou um morador na zona rural do município, também na madrugada desta terça-feira (14/04/2020).
Riacho da Ingá em Acauã
Em solo pernambucano, no município de Dormentes, a situação não é diferente. A Barragem da Água Verde, localizada na divisa com Santa Filomena-PE, voltou a sangrar após 16 anos.

Segundo informações de moradores, diversas barragens de pequeno e médio porte se romperam com as fortes chuvas. Na Lagoa do Mocó, zona rural do município de Dormentes, cerca de 28 ovelhas foram carregadas pela enchente.
Barragem da Água Verde em Dormentes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial